Pete Hines justifica: taxa mensal de ESO foi uma decisão conjunta

Hoje em dia é muito comum encontrar por ai jogos online que não cobram taxas mensais para manter a sua conta ativa, salvo algumas exceções. Pelo menos nos últimos dois anos, quase todos os jogos do gênero lançados já seguiram o padrão P2P, ou acabaram adotando esse sistema em algum momento, afinal de contas o mercado atual oferece tantas opções de jogos com qualidade sem a necessidade de se gastar uma quantia fixa por mês, que só sendo muito bom mesmo pra manter o jogador fiel a inscrição do seu cartão de crédito.

Mas parece que isso não foi o suficiente pra mudar a cabeça do pessoal da Bethesda e da Zenimax, responsáveis pelo mais novo jogo da série The Elder Scrolls, o “The Elders Scrolls Online”. Os caras prometeram ainda em 2012 um jogo online totalmente inovador e sagaz, capaz de fazer você querer usar o seu cartão de crédito para poder joga-lo infinitamente, mais ou menos nos moldes de World of Warcraft há uns tempos atrás, mas infelizmente o jogo não ficou tão bom assim e o que não faltou por ai foi gente dizendo que não iria desembolsar os $15 nem que ganhasse o jogo de graça.

Se esse descontentamento for realmente tão grande assim, isso pode comprometer o sucesso do game e alem disso o seu andamento daqui pra frente também. Mas, para Pete Hines, esse talvez não seja um problema tão grande assim, pois em entrevista para o site GamesOnNet, Hines disse que a decisão de taxar o jogo não foi imposta pela Bethesda, mas tomada conjuntamente entre a produtora e a desenvolvedora, e que ainda acredita que esta tenha sido caminho certo a ser seguido. Ele ainda disse que o fato de vários jogadores estarem descontentes o preocupa, mas que várias outras coisas também pois afinal de contas esse é o seu trabalho.

Eu mesmo fui um dos que mais se empolgou com o jogo lá no seu lançamento, entretanto, após ter acesso ao beta fiquei bastante decepcionado com o que vi. Não que o jogo seja ruim, é só que eu esperava mais dele. Enfim, eu escrevi um review sobre as minhas impressões aqui e no próprio texto já adiantei que não irei me submeter a taxa mensal também. ESO sai no dia 4 de abril e eu gostaria de saber se algum do leitores aqui vai jogar, respondam nos comentários.

Publicado por

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade