Funcionários da Rockstar chegaram a trabalhar 100 horas por semana para finalizar Red Dead Redemption 2

Red Dead Redemption 2 sem dúvida em um dos projetos mais ambiciosos da Rockstar e mesmo que ainda não tenha sido lançado já é um dos fortes concorrentes a jogo do ano. No entanto, parece que toda essa grandiosidade cobrou um preço muito alto da equipe de desenvolvimento.

Em uma recente entrevista a Vulture, Dan Houser, cofundador do estúdio, afirmou que alguns funcionários da equipe de desenvolvimento chegaram a trabalhar 100 horas por semana.

“Estávamos trabalhando 100 horas por semana várias vezes em 2018”, diz Houser

O executivo ainda afirma que todo esse trabalho resultou em um game com mais de 300 mil animações, 500 mil linhas de dialogo e muitas linhas de código. Segundo a Vulture, a campanha original do games teria 65 horas, mas a medida que o dia do lançamento foi se aproximando o estúdio resolveu cortar cerca de 5 horas.

Houser explica que em determinado ponto o protagonista Arthur Morgan teria dois interesses amorosos, mas “decidimos que um deles não funcionaria”. Além disso, ainda foram removidas diversas missões que seriam tecnicamente muito trabalhosas ou acabariam sendo supérfluas.

“Nós removemos uma missão em um trem onde você tinha que lidar com caçados de recompensas, porque era divertida no começo, mas depois não pareceu tanto. Essa parte do processo é sempre sobre compromisso e negociações. Todos sempre perdem pedaços do jogo que amam.”

Sobre a quase desumana jornada de trabalho, infelizmente isso não é uma novidade para a Rockstar. Em 2010, as esposas de diversos funcionários escreveram uma carta ao estúdio criticando a postura da empresa pelas horas trabalhadas dos seus parceiros em Red Dead Redemption.

Na época, o estúdio apenas respondeu que “ficamos tristes se algum ex-membro de qualquer equipe do estúdio não considere o seu tempo aqui agradável ou criativamente gratificante. Desejamos que para eles o melhor para encontrar um ambiente mais adequado aos seus temperamentos e necessidades”.

Ao que tudo indica essa carta não teve muito efeito, já que a cultura das jornadas de trabalho gigantescas parece continuar firme no estúdio e infelizmente isso não é uma exceção da Rockstar, com a indústria dos games AAA ficando cada vez mais grandiosa, relatos parecidos sempre aparecem nos mais variados estúdios.

Red Dead Redemption 2 se passará antes do primeiro game, mostrando a trajetória de Arthur Morgan e da Dutch’s Gang após um assalto que deu errado na cidade de Blackwater. O grupo então precisa lutar para fugir dos agentes federais e dos melhores caçadores de recompensas do velho oeste.

O jogo será lançado em 26 de outubro para PS4 e Xbox One, ainda não há informações sobre uma versão para PC.

João Victor Albuquerque

Formado em Sistemas de Informação, que no final da faculdade resolveu se meter nesse mundo do jornalismo. Apaixonado por joguinhos, filmes, animes e sempre atrasado com as séries.