EA garante que continuará implementando loot boxes de maneira “transparente, justa e balanceada”

A Eletronic Arts divulgou recentemente um relatório financeiro para investidores, que além de confirmar a data de lançamento de Anthem, a empresa também esclareceu que não considera loot boxes como “jogos de azar”.

Segundo Andrew Wilson, CEO da empresa, a EA continuará investindo nesses sistemas de forma justa e transparente para o jogador.

“Vamos continuar trabalhando com loot boxes. Estamos sempre pensando em nossos jogadores. Estamos sempre pensando em como oferecer tipos de experiências de maneira transparente, divertida, justa e balanceada para nossos jogadores.”

Wilson ainda afirmou que não concorda com os países que estão “rotulando loot boxes como formas de apostas ilegais”, segundo ele, a EA já está trabalhando com diversas associações locais e membros regulamentadores de todo o mundo para resolver essa situação.

Usando o FIFA Ultimate Team como exemplo, Wilson explicou o motivo de não considera loot boxes como jogos de azar.

“Não acreditamos que todas as loot boxes do FIFA Ultimate Team sejam apostas. Em primeiro lugar, os jogadores sempre recebem um número especifico de itens em cada pacote FUT. E, em segundo lugar, não fornecemos nem autorizamos qualquer forma de sacar ou vender itens de moedas virtuais por dinheiro real.”

Depois de toda a polêmica envolvendo as loot boxes de Star Wars Battlefront 2, comissões de diversos países foram formadas para investigar se essa pratica poderia ser considerada jogo de azar. No final do mês passado, a Bélgica foi o primeiro país a banir completamente as loot boxes e ainda aplicando uma multa de até 800 mil euros para os jogos que não removerem essa mecânica.

João Victor Albuquerque

Formado em Sistemas de Informação, que no final da faculdade resolveu se meter nesse mundo do jornalismo. Apaixonado por joguinhos, filmes, animes e sempre atrasado com as séries.

Tags: EALoot Boxes