Categorias: Games

Call of Duty se chamava “Matador do Medal of Honor” durante o desenvolvimento

Medal of Honor não é hoje uma das grandes franquias de jogos de tiro em primeira pessoa. Mas antes a história era diferente. Principalmente na era do PlayStation e do PlayStation 2 Medal of Honor era o principal jogo do gênero. Porém a história começou a mudar quando a EA decidiu que os responsáveis por “Allied Assault” não iriam mais desenvolver outro jogo da série. Com essa negativa, eles fundaram um novo estúdio, chamado de Infinity Ward, e a Activision decidiu financiar seus projetos por um ano. Aí todos sabemos o resto da história (que mancada EA!)

Justin Thomas, desenvolvedor da Infinity Ward, comentou sobre o time que começou a trabalhar no novo projeto: “Eu não cometeria o erro de dizer que era uma das equipes mais humildes.” Ele revelou que o nome de desenvolvimento do novo projeto (antes deles decidirem por Call of Duty) era “MOH Killer”, ou em outras palavras, “Assassino do Medal of Honor”. Além disso, eles estavam trabalhando com o foco na diversão, sem se preocupar em tentar criar um jogo de sucesso, pois acreditavam que se o jogo fosse divertido, faria sucesso naturalmente.

Será que podemos dizer que a EA abriu a própria cova de sua franquia? Medal of Honor hoje está longe de ser um concorrente para colocar medo em Call of Duty ou Battlefield. Será que um dia teremos um cenário diferente?

Este website utiliza cookies