Cinema e TV

5 momentos dos livros de Harry Potter que nós gostaríamos de ter visto nos filmes

Os fãs de Harry Potter que leram os livros da saga e viram os filmes da franquia já devem ter notado que além de muitas histórias terem sido deixadas de lado, algumas mudanças aconteceram nas adaptações das obras para o cinema.

Algumas das cenas deletadas fizeram bastante diferença na trama, e outras, apesar de não terem impacto no desenrolar dos acontecimentos, seriam interessantes de serem mostradas nas telonas. Pensando nisso, separamos aqui 5 momentos dos livros de Harry Potter que nós gostaríamos de ter visto nos filmes.

As poções da Pedra Filosofal

Já no primeiro filme da franquia, Harry Potter e a Pedra Filosofal, um dos momentos mais interessantes do livro acabou ficando de fora da adaptação.

Durante o caminho para encontrar a Pedra, Harry, Rony e Hermione são surpreendidos com desafios até a câmara onde ela estava. Um deles, que não apareceu nos cinemas, consistia em sete garrafas de formatos diferentes com bebidas dentro delas. Em um papel ao seu lado, um enigma de lógica precisava ser desvendado para que a bebida certa fosse tomada e eles pudessem prosseguir.

Hermione consegue deduzir qual é a bebida correta, que leva Harry até seu destino. Enquanto isso, ela mesma bebe a que a fará voltar pelo caminho e resgatar Rony que havia sido ferido no jogo de xadrez humano.

O aniversário de morte de Nick Quase-Sem-Cabeça

Uma cena deixada de lado nos filmes diz respeito a comemoração do aniversário de morte de 500 anos de Nick Quase-Sem-Cabeça. No livro Harry Potter e a Câmera Secreta, o personagem convida Harry, Rony e Hermione para a sua festa de morte comemorada no Dia das Bruxas.

A festa é realizada em uma masmorra com temperatura extremamente baixa, onde fantasmas de todo o canto do país dançam ao som de uma música horripilante e “comem” quitutes que vão do peixe podre ao bolo carbonizado.

Os três amigos, por fim, decidem deixar a festa depois de um acesso de choros da Murta-Que-Geme e de 12 cavaleiros sem cabeça adentrarem à comemoração e começaram uma partida de hóquei de cabeça.

A desgnomização da Toca

Também em Harry Potter e a Câmara Secreta, logo após Fred, Jorge e Rony salvarem Harry da casa de seus tios usando um Ford Anglia voador, a mãe dos garotos designa a eles a função de desgnomizarem o jardim.

Harry, que nunca tinha presenciado esse tipo de coisa, acompanha os Weasley na tarefa. A atividade consistia em localizar os gnomos (criaturas pequenas, com a pele parecendo um couro e uma cabeça cheia de calombos e careca), pegá-los pelo tornozelo e rodá-los até que ficassem tontos. Só então, depois, arremessá-los bem longe para que não encontrassem o caminho de volta para suas tocas.

A cena ficou de fora do filme, mas seria bastante curioso ver uma desgnomização sendo mostrada no cinema.

Neville visitando os pais

O Hospital St. Mungus já havia sido citado em Harry Potter e O Cálice de Fogo, mas é somente em Harry Potter e a Ordem da Fênix que conhecemos de verdade o lugar. Há uma cena nele, em especial, que achamos que teria sido bem emotiva se a víssemos no filme.

Durante uma visita a Arthur Weasley, que está no hospital pois foi atacado por uma cobra, Harry, Rony, Hermione e Gina acabam se perdendo e indo parar no andar errado da instituição. Lá eles encontram com Neville Longbottom e sua avó, que tinham ido visitar os pais do garoto. É nesse momento que Rony e as meninas descobrem que os pais de Neville foram torturados pelos Comensais da Morte até enlouquecerem.

O momento é bastante tocante e mostra toda a tristeza que Neville carrega pela história de seus pais.

A redenção de Duda

Esta cena de Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 1 chegou a ser gravada (ainda que de maneira um pouco diferente da versão do livro), mas acabou sendo tirada do filme. Uma pena, já que mostraria uma faceta mais amável de Duda que até então não havia aparecido na história.

Na cena do livro, quando os tios e o primo de Harry estão indo embora da Rua dos Alfeneiros, Duda de despede de Harry de uma maneira um tanto quanto curiosa. “Eu não acho que você seja uma perda de espaço”, diz o garoto. E ainda completa: “Você salvou a minha vida” – se referindo ao dementador que tentou tirar a sua alma.

Publicado por

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade