InícioArtigosAs piores caixas de jogos do PlayStation

As piores caixas de jogos do PlayStation

Fala, galera, tudo bom com vocês? Quem nunca olhou para um jogo e disse “pqp, que capa mais feia essa”? Bom, comigo isso já aconteceu muito. Na verdade, as caixas de jogos mais antigos são recheadas dessas pérolas, mas a gente nem precisa ir tão longe na história, afinal de contas, o PlayStation tinha várias dessas.

A de cima é um bom exemplo. Sempre que eu ia nos camelôs, me perguntava se era culpa da impressora do tio da barraquinha por a capa ser tão horrível ou se foi “decisão artística” do designer da empresa. Bom, agora eu sei a verdade. Na as imagens abaixo, a gente separou algumas capas bem trash pra vocês. Espero que gostem!

219392-resident_evil_ps_super

Chris Redfield parece mais o Quasímodo do que qualquer outra coisa nessa imagem.

batman-robin

Tire a sua irmã da sala se não quiser que ela se apaixone pelo Homem Morcego. Sério, ele tá mais pra galã do que pra herói.

colinmcraerally

Colinho Mac Raio e uma das capas mais clássicas de PSX

Courrier crisis

Essa até eu fazia melhor, sério mesmo.

Final-cover-small

Lara Croft e duas bolas de basquete no lugar dos seios. Além de uma mulher MUITO assustadora atrás dela que mal pode ser vista.

sfa

Essa ilustração parece mais aqueles desenhos enviados pra revista de videogame.

bust-a-move

É tão viciante (e tem uma capa tão ruim) que deveria ser ilegal

dead-in-the-water-cover

Ok, por onde eu começo?

frogger-ps1-cover1

Pegaram meia dúzia de Clipparts e fizeram a capa né?

Irritating Stick [U] [SLUS-00775]-front

Outra capa feita aos 48 do segundo tempo

worst-game-covers-24

O E.T. não tem sorte mesmo, ou o jogo é uma porcaria, ou a capa. Ou os dois.

worst-game-covers-27

Por onde andam essas criaturas hoje em dia?

Que outros jogos de PlayStation vocês conhecem com capas horríveis também? Deixem nos comentários!

Eric Arraché
Eric Arrachéhttp://criticalhits.com.br
Eric Arraché Gonçalves é o Fundador e Editor do Critical Hits. Desde pequeno sempre quis trabalhar numa revista sobre videogames. Conforme o tempo foi passando, resolveu atualizar esse sonho para um website e, após vencer alguns medos interiores, finalmente correu atrás do sonho.