Categorias: Artigos

4 personagens não intencionalmente bizarros em jogos normais

Fala, galera, tudo bom com vocês? Quem aí nunca deu de cara com algum personagem bizarro num game normal? Não entendeu? Deixa eu explicar melhor, você está jogando seu Super Mario 64 de boas quando, do nada, aparece uma moreia gigante que mais parece ter saído de um dos sete círculos do inferno. Você foge dela morrendo de agonia e mesmo assim ela te pega e, bum, você morreu. Pena, né? Antes fosse só esse o problema, mas alguns dos personagens acabam participando de nossa aventura por mais tempo do que a gente desejaria, e ficar encarando eles acaba tornando-se uma tarefa complicada.

Bom, deixemos de enrolar e vamos à nossa lista:

4. Chop Chop Master Onion

Chop Chop Master Onion é um personagem bizarro que tem uma vida extremamente deprimente. Sabe o Stuart de The Big Bang Theory, o cara da loja de quadrinhos que tem depressão e cujo negócio está falindo graças à concorrência desleal de grandes cadeias varejistas? Bom, nosso Chop Chop Master Onion é um equivalente dele dentro da franquia Parappa the Rapper.

O personagem começa o game como um mestre sábio para Parappa e, ao que tudo indica, isso acaba levando a vida dele a uma maré de azar. Em Umjammer Lammy, o coitado perdeu o dojo dele e invade um sonho de Lammy para contar a ele que ele ainda tem um dojo, mas dentro da imaginação dele. Melhor ainda, o dojo tem até um cassino, afinal de contas, trocar porradas com outros colegas desperta aquela vontade de jogar um caça níquéis depois, certo?

Em Parappa the Rapper 2, Chop Chop Master Onion leva sua loucura a outro patamar, lançando um programa de televisão chamado Romantic Karate, onde ele ensina os participantes algumas técnicas de karatê para impressionar seus amores/pretendentes.

Cara bizarro, não?

3. Cubone

Nós já falamos do Cubone algumas vezes por aqui. Ele não parece ser um Pokémon bizarro, e é até bonitinho, mas tudo vai pro espaço quando você descobre que o crânio que ele tem na cabeça é o crânio da mãe dele, afinal, o pobre coitado é um órfão que chora à noite por ter perdido a pobre progenitora. História triste, né? O interessante é que todo Cubone, dependendo da geração de Pokémon que você jogar, vai ter essa informação registrada na Pokédex, ou seja, esta é uma espécie de órfãos chorões.

Não se esqueça disso da próxima vez que um deles te pedir colo.

2. Unagi the Eel

Eu havia falado dele no começo do artigo e está na hora de voltar para Unagi the Eel, a moreia gigante que deve ter feito o Mario fazer coco nas calças. Fases na água já são o inferno, agora imagine quando o senso sádico dos desenvolvedores da Nintendo decidiu por colocar esse bicho estranho no jogo.

Você poderia ignora-la completamente, não fosse o fato de haver uma estrela pertinho da cauda dela. Ah, Nintendo, sua fanfarrona.

1. Todo mundo em LA Noire

LA Noire é um jogo de detetive que tinha como objetivo introduzir uma mecânica revolucionária de expressões faciais e tiques que deveriam dar dicas a você sobre os interrogados estarem mentindo ou não. Infelizmente, a Rockstar não conseguiu fazer exatamente isso em todos os casos. Alguns são muito descarados, outros difíceis pra caramba de se notar e todo mundo, absolutamente todo mundo, tem a cara do Jon Cryer, o ator que faz o Alan Harper em Two and a Half Men, por mais que o elenco inteiro do game seja composto por atores do seriado Mad Men.

Que outros personagens não intencionalmente bizarros vocês lembram? Deixem seus comentários!

Este website utiliza cookies