Durante toda franquia Naruto vimos que o jovem garoto Uzumaki possui técnicas extremamente poderosas, mas sem dúvida uma das suas capacidades mais fortes é o seu poder de regeneração.

Mesmo ainda no começo da história, quando desconhecia boa parte dos seus poderes, Naruto já possuía uma capacidade de regeneração absurda, principalmente por causa da quantidade enorme de chakra presente no seu corpo.

No entanto, no capítulo 32 do mangá de Boruto: Naruto Next Generations, vimos pela primeira vez uma habilidade capaz de anular esses efeitos  e causar danos permanentes em Naruto.

Durante a sua batalha contra Delta, uma das integrantes de mais alto escalão dentro da Kara, uma misteriosa organização secreta que deseja capturar Kawaki, o Sétimo Hokage por pouco não foi atingido por um raio devastador que destruiria a sua capacidade de regeneração.

“Aquele foi um raio de destruição desenvolvido para ser usado contra quem tem poderes de regeneração… As células morrem e se desfazem quando são atingidas por aquilo… Então mesmo se tivesse um corpo como o meu ou os poderes de regeneração do Hokage, não poderia se curar”, explica Kawaki.

Em seguida, Naruto admite que esse é um poder assustador, mas também percebe que ele consome uma quantidade muito grande de chakra.

“Mesmo sendo um ataque surpresa e sendo bem assustador… você não pode atirar de novo. Já que está sem chakra.”

A cada capítulo que passa Delta vem se provando ser uma adversaria extremamente poderosa e mesmo que não tenha conseguido atingir Naruto, a vilã quase por pouco não matou Himawari, se não fosse o sacrifício de Kawaki.

Gostou do post? Curta nossa página no Facebook e receba todas as nossas últimas novidades!

Gostou? Compartilhe!


Você já ouviu o Critical Cast dessa semana?