Categorias: Anime

Estes são 5 dos piores filmes de Dragon Ball e Dragon Ball Z

Falar sobre os filmes da franquia Dragon Ball é um assunto delicado, pois cada fã possui o seu favorito, o que torna a discussão sobre eles não muito parcial. Ainda assim, existem filmes que não são tão bons quanto outros, e é sobre eles que falaremos hoje.

A franquia Dragon Ball possui inúmeros filmes, e nem todos são bons. O post de hoje falará sobre alguns dos piores filmes de Dragon Ball e Dragon Ball Z. Confiram:

1- O Resgate de Gohan.

Este é o primeiro filme de Dragon Ball Z, e também o primeiro filme da franquia que muitos fãs assistiram (incluindo a mim), porém as coisas boas sobre ele acabam por aí. Garlic Jr. é o vilão do filme, e nem ele nem seus capangas conseguem empolgar os espectadores. O filme se passa antes da chegada de Raditz, e luta final de Goku e Piccolo contra Garlic lembra bastante a luta de Goku e Piccolo contra Raditz, no início da Saga dos Saiyajins. Gohan também faz uma aparição no filme, porém ele ainda era muito novo, e ainda não havia aprendido a lutar.

2- A Árvore do Poder.

O terceiro filme de Dragon Ball Z se passa após a Saga dos Saiyajins e antes da Saga de Freeza. O filme começa com Gohan e Kuririn salvando vários animais de um incêndio florestal, incluindo um filhote de Dragão chamado Icarus, que reaparece mais vezes no filme do que gostaríamos de ver. O vilão principal é Turles, um Saiyajin que é exatamente igual a Goku, porém com a pele mais escura, que invadiu a Terra com um grupo de Saiyajins para plantar uma árvore que absorve os nutrientes de um planeta e cria uma planta que dá poderes inimagináveis a quem comê-la. As várias aparições de Icarus e o final apressado do filme o tornam uma grande oportunidade perdida pelos produtores, que tinham tudo para criar um ótimo filme.

3- Em Busca do Poder.

Este filme foi criado para comemorar o aniversário de 10 anos da franquia Dragon Ball, e reconta os acontecimentos do primeiro anime de uma forma falha, o que o torna um dos piores filmes da franquia. Resumindo 150 episódios em apenas 80 minutos, o filme deixa de lado muitas das melhores coisas do anime. Personagens como Kuririn, Tao Pai Pai e até mesmo Pilaf e sua gangue não estão presentes no filme. O filme não possui nem mesmo um público alvo em mente, já que os fãs da franquia prefeririam assistir ao anime enquanto o público que não conhecia a franquia perderia vários dos melhores momentos do anime.

4- O Combate final.

O Combate Final marca a terceira aparição de Broly, e sem dúvidas a pior delas. Mesmo com as recepções negativas do segundo filme de Broly, os produtores ainda decidirão continuar e criar um terceiro filme, que consegue superar o segundo no quesito de má qualidade. Goku e Gohan não aparecem no filme, que é protagonizado por Goten e Trunks. Mais uma vez, Broly ainda está vivo, porém após ser encharcado de ácido, o vilão fica com a aparência parecida com a de um monstro do pântano. A única parte boa deste filme está na Androide 18, que fez sua primeira aparição em um filme, porém nem mesmo isso consegue salvá-lo.

5- Dragon Ball Evolution.

Alguém tinha alguma dúvida que este filme estaria na lista? Dragon Ball Evolution é o maior desrespeito já feito a todos os fãs da franquia Dragon Ball. O material original é praticamente jogado no lixo, e nenhum dos personagens se parece com sua versão original. O script e os efeitos especiais do filme são muito fracos, e a má qualidade do filme foi tanta que fez Akira Toriyama voltar a trabalhar na franquia, para mostrar como um bom filme é feito, o que levou a criação dos filmes A Batalha dos Deuses e O Renascimento de Freeza.

Este website utiliza cookies