Categorias: Anime

Este é o motivo pelo qual Hagoromo Otsutsuki escolheu Asura ao invés de Indra em Naruto Shippuden

Em um dos inúmeros flashbacks de Naruto Shippuden, ficamos sabendo sobre a vida de Hagoromo Otsutsuki, o Sábio dos Seis Caminhos.

Durante um certo momento de sua vida, Hagoromo precisou escolher qual de seus dois filhos, Asura e Indra, seria aquele que continuaria a espalhar o Ninshu pelo mundo de Naruto.

No fim, o Sábio dos Seis Caminhos escolheu Asura, seu filho mais novo. Porém, muitos fãs não sabem o que levou Hagoromo a tomar esta decisão, e é isto que explicaremos no post de hoje.

Para poder decidir qual de seus filhos era mais apto a espalhar o Ninshu, Hagoromo enviou os dois em uma missão. Indra e Asura foram enviados para duas vilas diferentes que tinham algum problema misterioso, e eles precisavam consertar a situação daquela vila.

Asura, sendo mais gentil, fez vários amigos em sua missão, e levou alguns deles consigo. Ele mal usou o Ninshu durante sua jornada, assim como seu pai. Com a ajuda destes novos amigos e dos moradores da vila que ele estava ajudando, Asura conseguiu resolver o problema da vila, e ainda ensinou Ninshu para todos os moradores.

Quando os irmãos retornaram, Hagoromo recebeu notícias de que a aldeia que Asura não só havia visitado havia sido renovada, como os moradores também estavam prosperando muito. Porém, as coisas acabaram sendo bem diferentes do lado de Indra.

Ao invés dos problemas da vila terem sido resolvidos, os moradores estavam lutando e matando uns aos outros, e a vila acabou deixando de existir. A natureza agressiva e violenta de Indra não foi capaz de resolver o problema dos aldeões, que acabaram se tornando muito violentos.

Ao saber do resultado das missões de seus filhos, Hagoromo tinha uma coisa óbvia a fazer: Designar Asura como seu sucessor.

Esta escolha acabou resultando no eventual “conflito eterno” entre os descendentes de Indra e Asura, que só foi ser quebrado por Naruto e Sasuke, no fim de Naruto Shippuden.

Este website utiliza cookies