InícioAnimeEssa é a prova de que Gojo voltou em Jujutsu Kaisen 260

Essa é a prova de que Gojo voltou em Jujutsu Kaisen 260

Recentemente, o capítulo 260 de Jujutsu Kaisen trouxe uma reviravolta que deixou fãs do mundo todo alvoroçados. A frase “o espírito ou alma do mais forte” utilizada para descrever a visão de Sukuna foi uma tradução perfeita e confirma, sem sombra de dúvidas, o retorno de Gojo, em vez de negá-lo, como uma alucinação de Sukuna ou qualquer outra explicação. Vamos destrinchar tudo sobre isso.

PUBLICIDADE

Em japonês, “亡霊” (ぼうれい) se traduz como “fantasma” ou “espírito falecido”. Esse termo é composto pelos caracteres kanji “亡”, que significa “falecido”, e “霊”, que significa “alma” ou “espírito”. Interessantemente, Sukuna usa esse mesmo termo para se referir a Kashimo, e para entender o motivo, precisamos revisitar o capítulo 220.

Neste capítulo, Yuta pergunta à Angel se ela pode trocar de corpo como Sukuna, e ela responde que isso não é possível. Ela adiciona que muitos feiticeiros do passado aceitaram o convite de Kenjaku sem saber como se tornar objetos amaldiçoados após a morte. As palavras dela, apresentadas em um painel com imagens de três personagens (Kashimo, Ryo e Uro), explicam que Sukuna foi a exceção à regra, aprendendo a dividir sua alma como um objeto amaldiçoado depois de uma primeira experiência.

PUBLICIDADE
Essa é a prova de que Gojo voltou em Jujutsu Kaisen 260
Reprodução: Jujutsu Kaisen

No capítulo 212, antes de Sukuna se transformar em um objeto amaldiçoado para trocar de corpo, ele menciona que “daqui para frente é uma aposta”. Isso porque era sua primeira vez nesse processo e ele não estava seguro do resultado, mas riu histericamente ao descobrir que tinha sucesso. Importante destacar, essa não foi a primeira vez que Sukuna morreu e reviveu, mas foi a primeira vez que se transformou em um objeto amaldiçoado, morrendo e revivendo.

Desde o início da história, já estava claro que existem duas almas no mesmo corpo, como Gojo explicou quando verificou as almas de Sukuna e Yuji, que se fundiram. No capítulo 257, essa noção é reforçada. E no capítulo 4, Sukuna responde a Yuji, que pensava estar no além, dizendo “Isso aqui não é o outro mundo”, e propõe trazer Yuji de volta à vida se ele aceitar suas condições.

Esses eventos são exemplificados no desenho do fundo do painel do capítulo 10, quando Yuji morre pela primeira vez, e no capítulo 135, quando Choso fala sobre a morte como a maior e última transformação. Sukuna reviveu suas almas diversas vezes, utilizando a morte como um espelho, conforme explicado por Jogo no capítulo 116.

Essa é a prova de que Gojo voltou em Jujutsu Kaisen 260

Assim, tanto Gojo quanto Kashimo morreram e reviveram, um (Kashimo) por Kenjaku e o outro (Gojo) por si mesmo, e isso justifica Sukuna referindo-se a ambos como “espíritos falecidos”.

PUBLICIDADE

Jujutsu Kaisen (traduzido para Batalha de Feiticeiros no Brasil) é um mangá japonês escrito e ilustrado por Gege Akutami, e publicado na revista Weekly Shōnen Jump desde 5 de março de 2018.

Os capítulos individuais são compilados em volume tankobon, e publicados pela Shueisha desde julho de 2018. A série é licenciada e publicada no Brasil pela editora Panini. Os volumes estão sendo lançados mensalmente no momento, e você pode comprar o mangá de Jujutsu Kaisen aqui.

Jujutsu Kaisen conta a história de Yuji Itadori, um jovem gênio do atletismo que acaba juntando-se a um clube de ocultismo e então descobrindo ser o receptáculo perfeito para Ryomen Sukuna, a maldição mais poderosa de todos os tempos.

PUBLICIDADE

Os personagens de Jujutsu Kaisen são um dos grandes pontos altos deste mangá, que atualmente é um dos mais populares do Japão.

Um anime adaptando a história de Jujutsu Kaisen teve sua primeira temporada exibida em 2020 no Japão na Crunchyroll, com uma segunda temporada em exibição agora em 2023.

PUBLICIDADE
Valteci Junior
Valteci Juniorhttp://criticalhits.com.br
Me chamo Valteci Junior, sou formado em Jogos Digitais e escrevo sobre jogos e animes desde 2020. Desde pequeno sou apaixonado por jogos, tendo uma grande paixão por Hack and slash, Souls-Like e mais recentemente comecei a amar jogos de turno. Acompanho anime desde criancinha e é um sonho realizado trabalhar com duas das maiores paixões da minha vida.