Categorias: Anime

Esta foi a verdadeira razão pela qual Dragon Ball Super focou na transformação Super Saiyajin Blue ao invés de Super Saiyajin 4

Dragon Ball GT não é tido como sua série favorita de Dragon Ball. Muitos, na verdade, odeiam essa sequência e sequer a consideram quando conversam sobre o assunto.

Mas GT trouxe também uma das transformações mais querida pelos fãs, a do OOZARU DOURADO… Brincadeira, é transformação Super Saiyajin 4.

Além do nome fazer sentido em relação a progressão de evolução Super Saiyajin, essa era uma transformação que mudava muito a aparência dos Saiyajins e dava um visual mais selvagem e poderoso, parecia de fato uma evolução.

Dragon Ball Super se passa antes de Dragon Ball GT, mas já tivemos um reboot na história de Broly, porque não tivemos um reboot na história de GT e também a reintrodução dessa poderosa forma?

Mesmo a forma Super Saiyajin 3 apareceu diversas vezes em Dragon Ball Super. Seria inclusive a pá de cal definitiva em GT, que não teria nem mesmo essa transformação como redenção.

Mas o maior problema dessa transformação – que segundo a série promocional e não-canônica Super Dragon Ball Heroes é mais forte que a do Super Saiyajin Blue – é que ela é difícil de se desenhar.

A quantidade de pelos, o volume dos cabelos e até o retorno da cauda Saiyajin é difícil de se desenhar constantemente, enquanto o Super Saiyajin Blue tem a mesma vantagem da transformação em Super Saiyajin normal: nos mangás, essa cor pode ser representada como “branco” e facilitar para os desenhistas e na impressão do material.

Não tem tanto a ver com continuidade ou preferência estética. A verdade é que a forma SSJ4 é muito trabalhosa para o ritmo alucinante de trabalho dos mangakas, enquanto SSJB é mais prática até que as formas básicas dos heróis.

Dragon Ball Super encontra-se em hiato no momento. O anime encerrou em março de 2018 com o fim do Torneio do Poder.

Atualmente, a história continua no mangá, além do filme Dragon Ball Super: Broly lançado no começo do ano e também de um novo filme que está em estágio inicial de produção pela Toei.

O anime pode ser acompanhado na íntegra no Crunchyroll, no seu idioma original com legendas em português.

Acessando o site por este link, você ganha 14 dias de premium gratuitos em uma nova assinatura.

Este website utiliza cookies