Fala, galera, tudo bom com vocês? O objetivo desse post é simples: explicar a metodologia de reviews empregadas aqui no Critical Hits, ou seja, como são feitos os reviews aqui no site. A ideia principal desse artigo é explicar poque o jogo x recebeu uma nota mais alta do que o jogo y e tentar explicar algumas coisas que às vezes as pessoas simplesmente não conseguem ou não querem entender. Vamos a elas.

1. O review é uma recomendação, ou não, de um jogo. Nós jogamos o jogo e dizemos o que achamos bom e ruim nele e, se você deveria jogá-lo ou não. Aliás, isso não é exclusivo daqui e, sim, de todo lugar que se prese. Aqui, nós pretendemos resenhar os principais lançamentos, além de jogos não tão conhecidos assim e dizer porquê você deve jogá-lo ou não.

2. O review é a opinião do redator, ou seja, não é mais do que uma crítica que ele faz ao jogo. Para isso, ele jogou várias horas e, na maioria das vezes, chegou ao fim do jogo, já que exige-se uma quantidade mínima de tempo num jogo para se formar uma opinião completa sobre ele. Você ficou ofendido com a opinião dele? Deixe um comentário na postagem então falando porque você discorda. Debater é lindo e nenhuma opinião é absoluta.

3. Não, nós não somos istas. Quem realmente acredita em “ismo”, por favor, nem se dê o trabalho de comentar. Gaste esse tempo tirando a viseira, é bem mais simples. Não existe “review” imparcial e um dos principais pilares do Critical Hits é a liberdade de expressão.

Os redatores podem e na maioria das vezes vão escrever o que acham não só dos jogos, mas dos acontecimentos em si. Eu sinceramente prefiro que o site siga essa filosofia do que se fingir de imparcial e sentar a porrada no lado que não gosta por baixo dos panos. Nós não somos fãs de PCs, de Nintendo, ou Microsoft, ou Sony e, sim, fãs de videogames e quanto mais deles, melhor.

4. O jogo é avaliado pelo que ele se propõe, ou seja, se você comparar “Ryse” com Saints Row IV, por exemplo, pode dizer “meu deus, que gráficos feios Saints Row tem, como ele ficou com uma nota maior?”. Simples, o jogo é extremamente divertido e muito competente no que ele se propõe. Tá certo que os gráficos não são tão bonitos assim, mas quem disse que gráfico faz tudo? O objetivo de quem joga videogame é divertir-se, até onde eu me lembro, e o jogo entrega isso, diferente do outro citado.

Como funcionam as notas dos reviews:

Para facilitar um pouco a compreensão dos leitores, recentemente, decidimos começar a dar notas aos jogos. Elas vão de 1 a 10 pontos e cada um dos escores representa o seguinte:

10 – Perfeito!

Poucos jogos realmente conseguem chegar a esse nível e esses são recomendados para todo gamer que se preze. Ele pode não ser perfeito de fato em tudo, mas é tão bom que os eventuais problemas que eles tenham (e são poucos) podem ser relevados sem o mínimo problema. Resumindo, o jogo promete e cumpre.

9,0 a 9,9 – Excelente

O jogo é realmente muito bom e quase uma unanimidade. Pode ter algum probleminhazinho que mantenha algumas pessoas longe, mas é mais fácil você gostar (e até se apaixonar) pelo jogo do que o contrário.

8.0 a 8,9 – Muito bom

O jogo é muito bom e é recomendado para a maioria dos fãs de videogame. Pode apresentar alguns problemas que afastem eventuais jogadores, mas, se você é um fã do gênero do game, dê uma tentada que você provavelmente não vai se arrepender.

7,0 a 7,9 – Bom

O jogo tem suas qualidades e seus defeitos, que podem ser longevidade, repetitividade ou algum outro problema que seja difícil de ignorar, mas caso você seja fã do gênero, ainda vale seu tempo e dinheiro.

6,0 a 6,9 – Regular

O jogo certamente foi pensado tendo um público alvo em mente e provavelmente não vai agradar muita gente fora dele. Caso você não seja fã, vá com cuidado.

5,0 a 5,9 – Meh

O jogo realmente não desperta lá muitas emoções. Pode ser que você o termine na inércia, mas você talvez devesse estar investindo tempo e energia em alguma outra atividade.

4,0 – 4,9 – Abaixo da média

O jogo pode até ter qualidades, mas os problemas também são evidentes, tornando assim difícil indicar um jogo com essa classificação

3,0 – 3,9 – Fraco

O jogo tem problemas que deve afastar uma boa parcela dos jogadores dele. Se você devia ter com cuidado na categoria anterior, tente com mais cuidado ainda nessa. Ou compre ele em alguma promoção, assim não vai doer tanto no bolso.

2,0 a 2,9 – Ruim

Se o jogo tem alguma qualidade, ela acaba sendo obscurecida pelos problemas que ele tem. Não recomendamos.

1 a 1,9 – Péssimo

Fique longe, simples assim. O jogo é tão ruim, seja por bugs, história ou desleixo, que provavelmente não vai agradar ninguém. Não perca nem seu tempo, nem seu dinheiro com esse jogo, é melhor assim.

Outros

Resumo para os preguiçosos

Como o nome diz, é um resumo para quem não quer ler nossas mais de 1000 palavras sobre um jogo. Você deveria lê-las, pois essa parte geralmente tem uma frase ou duas e certamente não vai conseguir sintetizar tudo o que achamos sobre o jogo.

Prós

Pontos fortes do jogo.

Contras

Pontos fracos do jogo.

Acredito que seja isso, basicamente, a maneira como os jogos são avaliados aqui no Critical Hits. Algum comentário ou sugestão? É só deixar ali em baixo que respondemos.

Você já faz parte do nosso Grupo no Facebook? Faça já parte e interaja com os redatores e outros leitores do site! Link para o grupo: https://www.facebook.com/groups/criticalhitscombr/

Torne-se um patrão do site!

Você sabia que ao tornar-se um patrão do Critical Hits, você ajuda o site a continuar crescendo e ainda ganha vantagens exclusivas como acesso a um design mais clean sem propagandas, Critical Cast 5 dias antes de todo mundo e acesso ao nosso grupo secreto no Facebook/Whatsapp? Torne-se já um patrão você também!

Você já ouviu o Critical Cast dessa semana?


Gostou? Compartilhe!


Eric Arraché Gonçalves é o Fundador e Editor do Critical Hits. Desde pequeno sempre quis trabalhar numa revista sobre videogames. Conforme o tempo foi passando, resolveu atualizar esse sonho para um website e, após vencer alguns medos interiores, finalmente correu atrás do sonho.



  • matheus

    Resumo para os preguiçosos é ótimo, depois de uma analise legal, sabe fica na tua cabeça o que o redator escreveu

  • Ruka

    As pessoas tem que entender que opinião não é absoluta. E isso cada vez mais, isso parece ser difícil de ser entendido.

  • Dylan Eckermann

    Eu queria ver as reviews por ordem de nota, por exemplo, só os de nota 10