Este é o motivo de Zetsu Negro ter matado Madara Uchiha em Naruto Shippuden

O criador da série Naruto, Masashi Kishimoto, costuma deixar tudo muito claro no que se refere a história principal dos personagens, mas sempre deixa alguns pequenos pontos sem uma explicação formal, deixando esse trabalho para a teoria dos fãs.

Por exemplo, Kishimoto nunca explicou diretamente a razão do Zetsu Negro ter matado Madara Uchiha. E é isso que vamos explorar nesse artigo.

“Todas as pessoas, mesmo as mais fortes, tem fraquezas, Madara, porém, não tem,” disse o mangaká em 2019.

Após consumir o poder de todas bestas de cauda, Madara se tornou absolutamente poderoso, tendo basicamente acesso ao chakra infinito de Kaguya, tendo décadas de experiência de batalha, dois Rinnegans, capacidade de criar clones de madeira com acesso ao Susano’o e até quatro clones de limbo.

No final das contas, Madara era invencível e intocável pelos protagonistas. Kishimoto teve de criar uma solução para colocar um outro antagonista final.

Embora Kaguya seja mais poderosa no sentido bruto, ela não acompanhou o desenvolvimento do ninjutsu, não tinha experiência em batalha e não parecia ser o gênio de batalha que Madara era.

E mesmo assim, o time sete precisou usar absolutamente todas suas habilidades para conseguir apenas selar essa poderosa entidade. Que chance eles teriam contra Madara? Nenhuma.

Foi para criar um inimigo capaz de ser derrotado que Kishimoto fez com que o Zetsu Negro matasse Madara quando ninguém mais podia.

Tico

Redator eventual, podcaster e negro maravilhoso.