Categorias: Anime

Esta é a prova que Zabuza Momochi em Naruto Shippuden era mais poderoso que os fãs imaginam

Zabuza Momochi é um personagem querido em Naruto por vários motivos. Foi o primeiro vilão verdadeiro – o primeiro ninja a ameaçar seriamente o Time 7. Sua história com Haku também ajudou na construção desse personagem, que se mostrou mais que apenas um cara do mal que queria destruir o mundo/poder absoluto ou outro objetivo vilanesco clichê.

Mas a sua aparência tão cedo na série fez com que ele fosse esquecido e desconsiderado na escala de poder da franquia. Não entendam errado, Zabuza de fato não era um perigo do mesmo tamanho que os ninjas da Akatsuki, Pain ou Madara.

Só que ele também não era um ninja qualquer, muito pelo contrário. O Kakashi do começo da série estava fora de sua melhor forma, mas ainda era um jounin de Konoha, uma das posições mais prestigiosas para um ninja.

E esse Kakashi, com seu sharingan – do qual Zabuza não tinha nenhum conhecimento – foi completamente vencido pelo adversário…  Que era um dos Sete Espadachins da Vila Oculta da Névoa, o que também não era brincadeira nessa época.

Mais afiado que sua Kubikiribōchō era sua inteligência, com a qual conseguiu prender e inutilizar Kakashi – um ninja de alto intelecto e versatilidade.

Se não fosse a interferência de Naruto e Sasuke e nem de Haku, o embate entre Kakashi e Zabuza teria terminado com a morte de Kakashi, o que prova que o Demônio da Névoa era um ninja extremamente capaz.

E vocês, acham que Zabuza acabou sendo subestimado depois de sua morte, ou acham que ele não era tudo isso mesmo?

Naruto Shippuden foi exibido entre os anos de 2007 e 2017, contando a segunda fase do anime. Nela, Naruto retorna após dois anos de treinamento com a missão de combater a Akatsuki e resgatar Sasuke das garras de Orochimaru.

O anime pode ser acompanhado na íntegra no Crunchuyroll, juntamente com Naruto clássico e Boruto: Naruto Next Generations, sua continuação direta.

Acessando o site por este link, você ganha 14 dias de premium gratuitos em uma nova assinatura.

Este website utiliza cookies