Categorias: Anime

Dragon Ball Super revelou qual a fraqueza dos dois Zenos e quase ninguém notou

Dragon Ball Super entrou em hiato em março, e muitas das questões pendentes do anime foram resolvidas. Algumas delas, pouca gente notou, e hoje falamos sobre ela.

Seis universos foram destruídos pelos dois Zenos, que são os seres que controlam todo o multiverso, antes do Torneio do Poder. Estes dois seres infantis foram introduzidos há muito tempo em Dragon Ball Super, mas até mesmo os Deuses da Destruição e os anjos os temem.

Por conta do medo que estes personagens induzem, muitos acreditam que eles sejam invencíveis. Porém, uma nova teoria pode ter provado que isto não é verdade. Um dos indícios de que os Zenos podem ser derrotados é a necessidade de sempre haver dois guardas com eles o tempo de todo.

Além disso, o Sumo Sacerdote é outro guardião dos dois Zenos, e ele é o mais forte de todos os anjos. Pela necessidade de tantos guardas tão poderosos, os Zenos podem ser derrotados, e o episódio 123 de Dragon Ball Super pode ter confirmado como isto pode ser possível.

Quando os dois Zenos estavam olhando seus GodPads, que são literalmente iPads para os deuses, eles reclamaram que não conseguiam ver a velocidade de Dypso e Gohan, mesmo com a função de câmera lenta.

Segundo a teoria, isto quer dizer que os Zenos não sejam muito rápidos, e se fossem atacados rapidamente antes de poderem reagir, eles poderiam ser mortos com certa facilidade.

Entretanto, para isto acontecer, seus guardas precisariam ser mortos ou distraídos, o que seria extremamente improvável.

Este website utiliza cookies