Categorias: Anime

Afinal, por que Kakashi não costuma utilizar o Rasengan em combate em Naruto Shippuden?

Kakashi é um dos pouquíssimos ninjas a dominar o Rasengan, uma técnica de máxima manipulação de forma do chakra criada por Minato Namikaze.

Mas ao contrário de Naruto, Jiraiya e Konohamaru, Kakashi não incorporou o jutsu no seu arsenal de batalha, mostrando ser capaz de executar o golpe apenas para treinar Naruto.

Mesmo o Chidori nasceu na tentativa sem sucesso de Kakashi adicionar uma transformação da natureza ao Rasengan, então ele claramente vê o potencial dessa habilidade em batalha.

Acontece que o resultado do Rasengan não é útil para Kakashi, que não focou seu treinamento nessa técnica. O Rasengan é uma técnica que faz o chakra girar tão rapidamente que esmerilha tudo o que toca, mas exige muito chakra para matar alguém.

O Chidori não é uma técnica que exige pouco chakra, mas ela é feita para ser usada rapidamente, ampliando a velocidade do usuário e “afiando” o ponto de contato a ponto de se tornar uma imensa força perfuradora, uma técnica perfeita para assassinato.

Kakashi, tendo sido um ANBU e um ninja assassino, se especializou na técnica que permitia rapidamente perfurar o adversário e causar uma morte rápida enquanto gasta consideravelmente menos chakra, além de preservar mais do corpo da vítima, que pode ser utilizado para obter informações – algo que o Rasengan tende a destruir.

No final das contas, o Chidori simplesmente serve melhor aos interesses de Kakashi e é por isso que ele prefere utilizar esse jutsu ao invés do Rasengan.

Naruto Shippuden foi exibido entre os anos de 2007 e 2017, contando a segunda fase do anime. Nela, Naruto retorna após dois anos de treinamento com a missão de combater a Akatsuki e resgatar Sasuke das garras de Orochimaru.

O anime pode ser acompanhado na íntegra no Crunchyroll, juntamente com Naruto clássico e Boruto: Naruto Next Generations, sua continuação direta.

Acessando o site por este link, você ganha 14 dias de premium gratuitos em uma nova assinatura.

Este website utiliza cookies