Afinal, Naruto poderiar criar uma nova Besta com Cauda com seus poderes do chakra dos Seis Caminhos?

As Bestas com Cauda são criação de Hagoromo Otsutsuki. Ele dividiu a Besta de Dez Caudas – fusão de Kaguya Otsutsuki com a própria Árvore Divina – entre corpo e chakra.

O corpo foi preso com uma forma do Chibaku Tensei e se tornou literalmente a Lua, enquanto o enorme chakra da Juubi foi transformado e dividido pelo Sábio dos Seis Caminhos em nove criaturas que seriam conhecidas como Bestas com Cauda, as Bijuu.

Naruto, sendo reencarnação de um dos filhos de Hagoromo e tendo um pouco do chakra do próprio dado pelo espírito do Sábio dos Seis Caminhos, teria poder em criar uma Bijuu inteiramente nova com sua imensa quantidade de chakra, talvez até dividindo Kurama em mais bijuu.

Isso seria teoricamente possível de acordo com os poderes de Naruto e pela quantidade colossal de chakra da Raposa de Nove Caudas, que é dito como maior até que a soma dos chakras das outras bestas.

Talvez fosse necessário um controle de chakra que Naruto não tem – ele nunca foi o melhor no quesito – e talvez fosse necessário a ajuda de Sasuke, que se tornou tão perfeito nessa habilidade que o próprio Kurama disse que ele estava em um nível semelhante ao do Sábio dos Seis Caminhos.

Apesar de tudo, é extremamente improvável que isso aconteça, até pelo fato da Raposa de Nove Caudas ter mudado seu comportamento após criar um laço de amizade com o Sétimo Hokage e ter se tornado um personagem favorito dos fãs.

Boruto: Naruto Next Generations é a sequência direta de Naruto Shippuden, tanto no anime quanto no mangá.

Nesta nova história, acompanhamos Boruto, filho de Naruto, um jovem que quer encontrar o seu próprio caminho e não pretende seguir os passos do pai, e Kawaki, jovem cujo corpo foi modificado com melhorias cibernéticas por um grupo misterioso chamado Kara.

O anime pode ser acompanhado na íntegra no Crunchuyroll e ganha novos capítulos toda semana.

Acessando o site por este link, você ganha 14 dias de premium gratuitos em uma nova assinatura.

 

 

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade