Anime

Afinal, as Sementes dos Deuses podem curar qualquer coisa em Dragon Ball Z?

As Semente dos Deuses são sementes especiais cultivadas por Karin na Plataforma Celeste e tem o poder de curar ferimentos e reenergizar o corpo de quem as consome.

Mas ao mesmo tempo que elas são muito poderosas – até um pouco overpower – elas também não conseguem arrumar tudo que tem de errado na saúde.

Sabemos e já vimos as Semente dos Deuses funcionar em várias criaturas distintas, como terráqueos, namekuseijins e até mesmo Cell, com efeitos variados.

As Sementes podem ser utilizadas para apenas recuperar e estamina do usuário, curar ferimentos leves e críticos, como na vez que apenas uma Semente foi capaz de fechar um buraco no meio do corpo de Yamcha, aberto com o punho do Dr. Gero.

No especial sobre a linha do tempo do futuro, Trunks afirma que uma Semente dos Deuses seria o suficiente para restaurar o braço perdido por Gohan do Futuro na batalha contra os Androides.

As Sementes tem apenas duas limitações aparentes: doenças e ferimentos já curados pelo usuário.

Goku do Futuro morreu de uma infecção no coração causado por um vírus, algo que as Sementes e nem o avançado conhecimento médico da série foi capaz de resolver.

Ferimentos já cicatrizados, como as do rosto de Yamcha e também da cauda dos Saiyajins que foram arrancadas também não sofrem nenhuma alteração ao consumir as Sementes.

Dragon Ball Super encontra-se em hiato no momento. O anime encerrou em março de 2018 com o fim do Torneio do Poder.

Atualmente, a história continua no mangá, além do filme Dragon Ball Super: Broly lançado no começo do ano e também de um novo filme que está em estágio inicial de produção pela Toei.

O anime pode ser acompanhado na íntegra no Crunchyroll, no seu idioma original com legendas em português.

Acessando o site por este link, você ganha 14 dias de premium gratuitos em uma nova assinatura.

Este website utiliza cookies. Para mais informações, consulte nossa política de privacidade.

Leia nossa política de privacidade