O mundo dos jogos profissionais é um mundo onde o dinheiro está começando a rolar em altas quantidades não apenas para jogadores profissionais, mas também para narradores de eSports, e um dos primeiros narradores a colher os frutos disso, graças a Overwatch, é Christopher MonteCristo Mykles, que frequentemente tem demonstrado sua insatisfação à Riot Games, produtora de League of Legends.

O narrador foi a voz da Copa do Mundo de Overwatch e, segundo ele, recebeu nessa copa, em apenas duas semanas, o equivalente ao que a Riot Games pagaria a ele por cinco semanas de trabalho para narrar o mundial de League of Legends.

Além dessa crítica, MonteCristo ainda comentou que acha negativo o fato da Riot Games ter o monopólio dos campeonatos de League of Legends no mundo, já que o cenário de campeonatos independentes do jogo é bem pequeno, e tem expressão mesmo apenas na Coreia. Exatamente por causa disso, eles podem pagar o que eles quiserem aos narradores, e isso acaba depreciando o salário deles.

A Blizzard está recém organizando-se para ter uma liga oficial de Overwatch, mas também há outras ligas independentes no momento, como a ESL. Se isso vai acontecer com Overwatch, nós ainda descobriremos, mas até lá, pelo menos, haverá competição, algo positivo para quem trabalha nesse meio.


Você já faz parte do nosso Grupo no Facebook? Faça já parte e interaja com os redatores e outros leitores do site! Link para o grupo: https://www.facebook.com/groups/criticalhitscombr/

Gostou? Compartilhe!


Torne-se um patrão do site!

Você sabia que ao tornar-se um patrão do Critical Hits, você ajuda o site a continuar crescendo e ainda ganha vantagens exclusivas como acesso a um design mais clean sem propagandas, Critical Cast 5 dias antes de todo mundo e acesso ao nosso grupo secreto no Facebook/Whatsapp? Torne-se já um patrão você também!

Você já ouviu o Critical Cast dessa semana?


Eric Arraché Gonçalves é o Fundador e Editor do Critical Hits. Desde pequeno sempre quis trabalhar numa revista sobre videogames. Conforme o tempo foi passando, resolveu atualizar esse sonho para um website e, após vencer alguns medos interiores, finalmente correu atrás do sonho.