Tyler1 é conhecido como o jogador mais tóxico da história de League of Legends, e ficou famoso por causa da toxicidade dele, tanto que, devido a isso, a Riot Games decidiu que o jogador como pessoa, e não apenas as contas dele, era persona non grata dentro de League of Legends, e baniu ele do jogo pelo resto da vida.

Curiosamente, após esse banimento, Tyler1 só viu a popularidade dele explodir e crescer cada vez mais. Apesar de ter sido banido do jogo, e ter suas contas de League of Legends banidas toda vez que alguém da Riot identifica que ele está jogando o jogo, o streamer continuou fazendo seus vídeos para o Youtube e continuou fazendo suas streams no Twitch, e arrecadando milhões de seguidores no processo.

Recentemente, entretanto, Tyler1 decidiu começar uma campanha pela liberdade dele de jogar dentro do jogo. Há inclusive camisetas à venda para a campanha #FreeTyler1, mas mais importante do que isso, Tyler1 diz ser um jogador reformado, e estar pronto para mostrar que ele pode, sim, ser um jogador não tóxico e que contribua para a comunidade.

Apesar disso, em abril do ano passado, o jogador postou um vídeo de hype dele prometendo ser um jogador melhor, que, na verdade, é apenas uma coletânea das atitudes mais tóxicas dele dentro das partidas, como feedar intencionalmente os jogadores do time adversário e ficar assediando os jogadores no chat do jogo:

Mais recentemente, o jogador prometeu ter baixado a bola e prometido ter uma conduta melhor dentro do jogo, mas mesmo assim, banido do game, ele parou de fazer faculdade para dedicar-se integralmente a fazer vídeos e streaming, então, o que parece mesmo, é que o banimento eterno da Riot Games serviu foi para dar mais poder a ele.

Será que não seria melhor deixá-lo jogar e simplesmente ignorá-lo ou dar uma segunda chance (vigésima terceira, na verdade, já que ele já teve 22 contas banidas) ao jogador?

Você já faz parte do nosso Grupo no Facebook? Faça já parte e interaja com os redatores e outros leitores do site! Link para o grupo: https://www.facebook.com/groups/criticalhitscombr/

Torne-se um patrão do site!

Você sabia que ao tornar-se um patrão do Critical Hits, você ajuda o site a continuar crescendo e ainda ganha vantagens exclusivas como acesso a um design mais clean sem propagandas, Critical Cast 5 dias antes de todo mundo e acesso ao nosso grupo secreto no Facebook/Whatsapp? Torne-se já um patrão você também!

Você já ouviu o Critical Cast dessa semana?


Gostou? Compartilhe!


Eric Arraché Gonçalves é o Fundador e Editor do Critical Hits. Desde pequeno sempre quis trabalhar numa revista sobre videogames. Conforme o tempo foi passando, resolveu atualizar esse sonho para um website e, após vencer alguns medos interiores, finalmente correu atrás do sonho.



  • Emanuel Costa

    o que seria um jogador tóxico? e o que a toxicidade dele estaria causando aos demais? Ele continua jogando então é isso? Com contas de outras pessoas?

    • Thayron Oliveira Galindo

      Jogador que xinga os outros jogadores, que feeda os inimigos, fica na base… Riot não aplica IP block em jogadores, pois tem gente que joga em lan house. Ele só cria contas novas e joga… Upa até o 30…

      • Augusto

        Porém ele não pode mais stremmar, pois se a riot (empresa responsável pelo jogo) descobrir que ele criou uma nova conta, ela irá dar ban permanente, mesmo se o jogador não ter feito nada de errado

    • Felipe Emanuel

      Seria um jogador que atrapalha o time, xingando, feedando propositalmente (se matando pro time inimigo), ficando parado na base prejudicando o time. No caso o que ele faz prejudica os outros 4 jogadore s do time dele já que as partidas são em grupo, ou seja, ele joga pra perder e acaba afundando os outros 4 que estão junto com ele por ele ser um boçal e achar isso engraçado, em “resumo” é isso.

    • Emanuel Costa

      Grato pela breve resposta de vossas senhorias

  • league of legends ResidentSleeper

  • tiago

    Nossa, nas minhas rondas pelo youtube lembro de ter visto algum vídeo desse cara, acho que era de h1z1, e ele era bem nervosinho e chiliquento o que me fez fechar o vídeo …agora descubro que o cara até já foi banido de um jogo.